Matelândia: Projeto Piamarta Badminton é destaque paranaense

3.631

Publicada 07 de Agosto, 2017 às 11:37

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

Badminton é um esporte individual ou de pares, semelhante ao ténis e ao volei de praia, praticado com raquete e um volante ou pena que deve passar por cima de uma rede.

Foi na India que o Badminton nasceu, com o nome de Poona. Oficiais ingleses a serviço neste país gostaram do jogo e levaram-no para a Europa.

O "poona" passou a se chamar Badminton quando, na década de 1870, uma nova versão do esporte foi jogada na propriedade de Badminton, pertencente ao Duque de Beaufort's, em Gloucestershire, Inglaterra.

Em 1934 foi fundada a Federação Internacional de Badminton (IBF), com nove membros: Canadá, Dinamarca, Escócia, França, Holanda, Inglaterra, Nova Zelândia e País de Gales. Sua sede se situa, logicamente, em Gloucestershire.

Nos anos seguintes mais países se tornaram membros, especialmente após a estréia do esporte nas olimpíadas de Barcelona, em 1992. Hoje em dia, existem 130 países membros da IBF, e o número tende a crescer.

Atualmente, o esporte é o segundo mais praticado no mundo, ficando atrás apenas do Futebol. 

Em nossa região, o Badminton vem ganhado força, e tudo isso está acontecendo por um projeto realizado na cidade de Matelândia, e nós fomos lá para conhecer um pouco mais. 

Dayana de Freitas Zanon é responsável pelo Projeto Piamarta Badminton em Matelândia, ela migrou do tênis para o novo esporte: ?O Badminton é um esporte que fica entre o vôlei e o tênis, rede mais baixa, peteca mais leve no lugar da bolinha, raquete mais leve, e mais acessível, principalmente para crianças?.

Há petecas de penas e de nylon, que são as usadas pelas crianças do projeto. 

O projeto começou em 2016, voltado para crianças e adolescentes: ? Eu trabalhava o Badminton nas escolas, nas aulas de Educação Física, e o ano passado minha filha começou a querer jogar cada vez mais. Montamos o projeto em parceria com a Secretária de Esportes do Município e a Escola Piamarta, começamos com 20 crianças na época e foi aumentando?.

Atualmente, há um time que representa Matelândia nas competições de Badminton, são 20 atletas há nível paranaense, dupla sub 15 em segundo lugar no ranking paranaense e correndo atrás por mais resultados positivos. 

O projeto atende cerca de 140 crianças, com treinos diários, classificados por idades, no Ginásio do São Cristóvão, em Matelândia. 

Qualquer criança do município, a partir de quatro anos podem participar. Importante frisar que há metas para as crianças e adolescentes que participam e regras a serem seguidas: ?Primeiro de tudo é a disciplina, dentro do projeto, dentro da quadra, na escola e com a família. A principal regra é ter boas notas. O esporte transforma a vida de qualquer pessoa, e se você não for disciplinado não será um bom atleta, a modalidade exige a disciplina?, comenta a treinadora Dayana. 

Em nossa região, o esporte é uma novidade que vem sendo disseminada. O esporte praticando pelo mundo todo é o mais rápido com raquetes, a peteca pode chegar até 400km/h. 

O próximo campeonato que o Piamarta irá participar é em Assunção no Paraguai: ?É nosso primeiro campeonato fora do Brasil, e queremos fomentar o esporte no oeste do Paraná. Estamos trabalhando qualidade de vida aqui. O projeto está entre os três melhores, a nível de Paraná?. 

Tudo isso é possível por conta da parceria do projeto com a Secretaria de Esportes do Município de Matelândia, o Secretario Valdecir Rheinheimer falou um pouco mais sobre o incentivo: ? É uma modalidade com bastante competições. Toda vez que nossa equipe vai participar volta com medalhas. Isso é um incentivo para os atletas e para nós que acreditamos no projeto. Qual criança não gosta de chegar em casa com uma medalha no pescoço e mostrar para os pais? Isso estimula. E nós, enquanto Secretaria de Esportes procuramos estar sempre dando esse subsídio, esse amparo, dando condições para que a equipe vá participar dessas competições?. 

No ano de 2017, o município de Matelândia incorporou o projeto na grade de atividades esportivas da Secretaria de Esportes, a equipe do Piamarta Matelândia foi filiada na Federação do Estado do Paraná, tendo condições e direito de participar de mais campeonatos. 

Neste ano Matelândia também sediou uma etapa do Circuito Estadual de Badminton, com a participação de mais de 250 atletas do estado todo: ?Isso faz com que o esporte cresça. A criança não gosta só de treinar, ela gosta de jogar, de competir, e dessa forma ganha um estímulo para continuar e chamar mais gente. Dessa forma o esporte cresce cada vez mais no município e na região também?, salienta o Secretário. 

Valdecir também destaca que agora o esporte passou a ser uma modalidade olímpica: ?Isso faz com que Federações, Associações, estejam se movimentando com a finalidade de demonstrar que é uma modalidade de rendimento. Mas tudo começa na base, o Projeto Piamarta é uma parceria muito bacana com a Prefeitura Municipal que vem dando certo, com ótimos resultados. Principalmente na qualificação de cada um dos participantes, e no ganho de medalhas e troféus para o município, o que acaba somando mais adeptos ao esporte. Costumo dizer que se você investir em esporte, ao mesmo tempo estará investindo em educação e saúde. Portanto, só há melhoras ao praticar esportes, em todos os âmbitos, da educação, da saúde, da disciplina. O que é investido aqui, é economizado no Posto de Saúde amanhã?, finaliza. 

Salomão acompanha os filhos nos treinos e fala sobre os benefícios que o esporte trouxe para a vida da família: ?Também sou professor de Educação Física, e descobrimos o projeto através da treinadora Dayana. Eles se interessarem e passaram a participar. A criança que pratica qualquer modalidade esportiva muda seu comportamento, e com eles não foi diferente, desde a disciplina, o comportamento em casa. Não digo que educação muda, porque isso vem de casa. Mas há uma mudança diferenciada, na visão deles na forma de ver o mundo?. 

Cristiane é mãe de dois atletas e comenta as mudanças que percebeu em casa: ? Eles conheceram o projeto na escola, e não haviam treinado nenhuma modalidade até então. No começo era uma brincadeira, agora é coisa séria, principalmente porque tira eles de casa. Eles não querem faltar de jeito nenhum, são bem empolgados para os treinos. Agora eles se interessam mais pelas coisas, gostam da professora, e estão se preparando para participar de competições. Acredito que o incentivo dos pais é muito importante, se não eles ficariam só em computador, celular, tento incentivar e acompanho sempre?. 

Dentro do projeto há atletas de destaque, que tem ganhado medalhes e colocações importantes das competições, conversamos com eles, que resumiram o que é participar desse projeto: ?Conhecemos o esporte através de indicações. Depois que passamos a treinar fizemos mais amizades, melhorou nossa saúde. Também gostamos de conhecer outros lugares, outros atletas. Precisamos ter disciplina e ter boas notas. Isso faz parte do esporte?. 

Em 1995 o Badminton foi incluído nos XII Jogos Pan-Americanos de Mar del Plata, Argentina, e foi jogado novamente, em 1999, nos XIII Jogos Pan-Americanos em Winnipeg, Canadá. Depois disso, a modalidade se firmou no evento sendo esporte que conta medalhas até hoje. Inclusive, em 2007 nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro o Brasil conquistou sua primeira medalha na competição. O feito histórico para o Badminton brasileiro foi conseguido pelo atletas Guilherme Kumasaka e Guilherme Pardo que conquistaram medalha de bronze na categoria de dupla masculina.

Redação Guia Medianeira com informações Sua Pesquisa

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Coperfarma Parque Independência

(45) 3240-1711

Av. Brasil, 4460

Disk Gelo em Cubo

(45) 9986-14346

(45) 99861-4346

Av. Soledade, 2200

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Matelândia