Os principais assuntos que vão moldar o futuro do agronegócio são destaques no 7° Fórum Lar Agro + Soja

493

Publicada 06 de Maio, 2024 às 08:53

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

Debates enriquecedores e a construção de um futuro promissor para o agronegócio marcaram o 7° Fórum Lar Agro + Soja, realizado na última terça-feira (30), no Lar Centro de Eventos, em Medianeira (PR). Aproximadamente 750 pessoas, entre associados, parceiros de negócios e a equipe técnica da Cooperativa do Paraná e do Paraguai se reuniram com um só propósito:  refletir e debater sobre as estratégias para uma produção de grãos mais eficiente, inovadora e ao mesmo tempo sustentável.

"A Lar sempre buscou se aperfeiçoar e promover um espaço de aprendizado para seus associados e funcionários, e o 7° Fórum Lar Agro + Soja promove essa oportunidade, com assuntos de extrema relevância que vão ampliar nosso conhecimento e servir de base na tomada de decisões sempre com foco na alta rentabilidade, respeitando o meio ambiente", afirmou o diretor 1° vice-presidente da Lar, Diogo Sezar de Mattia.

Conhecido por sua robustez técnica, o Fórum Lar Agro + Soja, agora em sua 7ª edição, sempre foi palco de discussões profundas que asseguram a vanguarda da Lar Cooperativa em diversas frentes do agronegócio. "A Lar, aqui no Oeste do Paraná, chama essa responsabilidade para si, sendo a grande promotora do desenvolvimento do agronegócio da região, então é dever nosso manter os agricultores e profissionais atualizados, com produtos de vanguarda e tecnologia de ponta, e o fórum contempla essa visão", disse o superintendente de Negócios Agrícolas, Vandeir Conrad.

Diferencial

Com base nos pilares da produtividade e comercialização, o 7° Fórum Lar Agro + Soja foi planejado estrategicamente para ser um ambiente de aprendizado colaborativo. Nesse ano, os associados não se limitaram a participação como ouvintes. A convite da Cooperativa, quatro produtores subiram ao palco e participaram do painel "Exemplo de Casa", mediado por Vandeir Conrad em conjunto com o gerente da Divisão de Insumos, Ramiro Criveletto.

Os associados, Cesar Tondelo, Marlon Luciel Frey, Alessandro Parise e Marcia Piati compartilharam suas visões e experiências a partir da rotina do dia a dia na propriedade. O grupo respondeu perguntas temáticas e convidou a plateia a refletir sobres as decisões a curto e longo prazo. "Sem dúvida esse painel foi um dos grandes destaques do 7° Fórum Lar Agro + Soja, pois também queremos ouvir o produtor, suas necessidades e contribuições que vão nos ajudar a alcançar os melhores resultados", comentou o gerente da Divisão de Insumos, Ramiro Criveletto.

Palestras técnicas

O engenheiro agrônomo Breno Araújo, consultor da Rehagro, abriu a sessão de palestras ao apresentar o tema "Manejo para altas produtividades". O palestrante apresentou dados que demonstram a necessidade do produtor investir no diagnóstico do solo e a melhorar o tempo de resposta para adversidades que podem surgir durante a safra, pontos fundamentais para melhorar os resultados de produtividade e rentabilidade.

Na sequência, o publicou prestigiou a palestra sobre macroeconomia e geopolítica, com o engenheiro agrônomo e professor do Insper, Marcos Jank. Referência no setor, o profissional destacou as oportunidades do Brasil no mercado internacional e a importância em manter o bom relacionamento com os países asiáticos, em especial a China, responsável por importar 65 bilhões de dólares em mercadorias no ano de 2023.

Para encerrar o ciclo de palestras, a Lar Cooperativa convidou o mestre em produção vegetal, Marcelo Diniz, que destacou e esclareceu dúvidas sobre o uso de bioinsumos nas lavouras, uma alternativa mais sustentável que vem para somar com as ações já desenvolvidas nas propriedades. Sua viabilidade entre os produtores também é um fator fundamental, sendo uma opção economicamente positiva.

Iniciativa da Lar Cooperativa

A Lar Cooperativa se antecipou em muitas questões apresentadas durante o 7° Fórum Lar Agro + Soja. O coordenador da equipe técnica da Lar, Deivid Nazário de Assis, apresentou um relatório completo, desenvolvido ao longo de dois anos, com o diagnóstico do solo da região e de maquinários e implementos agrícolas de associados, mapeando oportunidades e necessidades. Um estudo inédito que representa o compromisso da Cooperativa com o desenvolvimento do agronegócio regional.

Também ganhou ênfase no relatório os extensos treinamentos aplicados para capacitação da equipe técnica da Lar Cooperativa. Dezenas de profissionais capacitados e que estão prontos para fornecer todo o suporte que for necessário ao associado.

** Quer participar dos nossos grupos de WhatsApp/Telegram ou falar conosco? CLIQUE AQUI.

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Medianeira