Nota Paraná muda regras, diminui sorteios de R$ 1 milhão e aumenta premiações menores

Mudanças valem a partir de julho. De acordo com o programa, sorteios de R$ 1 milhão serão concentrados em quatro meses específicos. Nos demais meses, valor será distribuído em 20 mil prêmios de R$ 50.

1.080

Publicada 03 de Maio, 2024 às 13:43

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

O programa Nota Paraná, do Governo do Estado, mudou as regras dos sorteios. Segundo a coordenação, o objetivo é aumentar o número de ganhadores.

Tradicionalmente, o programa sorteava mais de 15 mil prêmios mensais, entre eles, o de R$ 1 milhão.
Com a mudança, o sorteio de R$ 1 milhão ocorrerá em quatro meses específicos: fevereiro, maio, agosto e dezembro.

Nos outros oito meses, o valor de R$ 1 milhão será dividido em 20 mil prêmios menores, de R$ 50. Desta forma, o número de prêmios sorteados passará de 35 mil.

As mudanças valem a partir de julho. Os sorteios de maio e junho continuam com as regras originais.

Premiações em fevereiro, maio, agosto e dezembro

1 prêmio de R$ 1 milhão
1 prêmio de R$ 100 mil
1 prémio de R$ 50 mil
100 prêmios de R$ 1 mil
15 mil prêmios de R$ 50
 
Premiações nos outros oito meses do ano

1 prêmio de R$ 100 mil
1 prémio de R$ 50 mil
100 prêmios de R$ 1 mil
35 mil prêmios de R$ 50

De acordo com a coordenação do Nota Paraná, a revisão nos prêmios foi motivada por uma consulta pública realizada entre outubro de 2023 e fevereiro de 2024.

O Governo do Estado informou que, segundo o levantamento, mais de 79% dos entrevistados apoiaram a ideia de distribuição de mais prêmios com valores menores.

O programa
 
Para participar do Nota Paraná, é necessário estar cadastrado no site do programa. Para o procedimento, é necessário informar e-mail e dados pessoais básicos.

Para concorrer, os contribuintes precisam pedir CPF na nota no momento de uma compra.
Conforme as regras do Nota Paraná, a cada R$ 200 em notas, é gerado um cupom automaticamente para o contribuinte participar dos sorteios.

Fonte: G1

** Quer participar dos nossos grupos de WhatsApp/Telegram ou falar conosco? CLIQUE AQUI.

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Paraná / Brasil / Mundo