De iniciante a profissional: mude de carreira com um bootcamp de desenvolvimento web

3.097

Publicada 24 de Fevereiro, 2024 às 07:29

Compartilhar:

Eu aposto que você tem algum conhecido que está se dando muito bem na área de tecnologia. Ainda mais sem ter concluído a faculdade. Embora recorrente, a gente sabe que nenhum desenvolvedor nasce sabendo.

E muitos deles se apoiaram em um curso de desenvolvimento web para descobrir como aprender a programar do zero, passando por diversas linguagens de programação e guiando sua atuação, seja no front-end ou back-end dos projetos.

Os detalhes do desenvolvimento web
Se você está lendo este artigo saiba que há (pelo menos) um desenvolvedor por trás. É ele quem cria o site, abre novas seções, mantém a página atualizada e segura para que você possa navegar tranquilamente por aqui, sem qualquer risco.

Este trabalho é importante, pois, hoje, a presença online de qualquer empresa é simplesmente indispensável. Seja uma simples webpage ou um super app, ela vai precisar oferecer um ambiente eficiente e seguro para compartilhar informações ou comercializar produtos.

Por isso, o descritivo acima mostra bem a rotina e o papel importante de um um profissional do desenvolvimento web, que vai precisar trabalhar na produção, construção e manutenção de páginas online e outras aplicações conectadas à internet. Tudo, claro, com foco total no usuário final, que precisa ter tudo acessível e funcionando.

E é por conta dessa complexidade e variedade, que o trabalho deste tipo de programador se divide em front-end e back-end, como você vai ver a seguir.

As abordagens do desenvolvimento web
O trabalho do desenvolvedor no ambiente online está longe de ficar restrito a códigos. Há toda uma estratégia do produto por trás deste projeto, assim como a busca por um comportamento padrão dos clientes que vão guiar a produção destes aplicativos. É por isso que o desenvolvimento web se divide em back-end e front-end.

Back-end: Esta galera aqui fica nos bastidores, enquanto o show está rolando. São eles quem conectam e mantêm o gerenciamento do banco de dados, framework e integração de API, a partir de lógicas computacionais. É meio como se, aqui, fosse o coração do software ou a parte estratégica, permitindo que tudo funcione perfeitamente, desde a tela de login até uma funcionalidade específica, por menor que ela seja.

Front-end: Nesta fase, o desenvolvedor se debruça na parte visual, aquela que aparece ao cliente final. Aqui, há todo um trabalho de experiência e design do usuário (UX) para garantir que não só as funcionalidades do app estejam operando, como também o uso seja intuitivo, fácil e fluido. Aqui, são utilizadas linguagens de programação bem específicas, como HTML, CSS e JavaScript.

Há uma terceira vertente do desenvolvimento web que é o desenvolvedor full-stack. Pode-se dizer que ele é união das duas partes em um único profissional. Ele é capaz de manter a visão estratégica total do produto, enquanto domina também a perspectiva do usuário final. Este tipo de profissional também é bastante procurado, sendo um dos que mais ganham no mercado de trabalho.

Tempo é dinheiro? E oportunidades
Como o mercado de tecnologia está bastante aquecido, é importante buscar conhecimento rapidamente para não ficar para trás. Lembra daquele seu primo que está com a vida ganha nesta área? Pois é, você também pode alcançar este objetivo. E se tempo é algo essencial na nossa vida atualmente, quanto mais rápido você estiver pronto, mais cedo vai conseguir uma oportunidade!

E se você está sofrendo por pensar que vai precisar passar de três a cinco anos em uma universidade para, então, começar a deslanchar, fique calmo! Há uma metodologia de ensino muito interessante que vai te fazer aprender tudo o que precisa, em muito menos tempo.

Bootcamp: intensivo e prático
Assim como as faculdades, o bootcamp também é um curso. Porém, sua metodologia foca em um ambiente de pura imersão e intensidade. Ou seja, a ideia é que você respire o conhecimento. No caso do curso de desenvolvimento web, estamos falando das principais linguagens de programação, como JavaScript, CSS, HTML e, claro, framework.

Este curso tem como característica também ser orientado à prática. Isso quer dizer que, além da parte teórica, você vai ter um acompanhamento importante para se desenvolver como programador no modo "mão na massa".

Neste caso, o curso te prepara para, de fato, atuar em projetos reais, que vão te dar a experiência não só de criar um portfólio muito legal para apresentar aos recrutadores das empresas, como ainda mostrar situações que você provavelmente vai enfrentar em sua rotina de trabalho.

Muito mais do que a experiência de aprendizado, o curso ainda é capaz de gerar conexões. Sim, o famoso networking, para que você conheça pessoas e se sinta cada vez mais próximo de uma oportunidade na carreira.

Tudo isso acontece com a maior eficiência e, principalmente, menor tempo possível. Em dez meses, você vai do iniciante ao profissional!

Curso de desenvolvimento web é na TripleTen Brasil!
Com um modelo de treinamento intenso e orientado à prática, a TripleTen Brasil oferece o melhor bootcamp para que você trabalhe com desenvolvimento web. O ensino abrange todas as principais linguagens para você aprender (JavaScript, HTML, CSS,e por aí vai), permitindo que você escolha se tornar um programador.

Além de preencher todos os critérios citados acima, o bootcamp da TripleTen não exige que você tenha um supercomputador, o que reduz muito seu investimento inicial para o curso de desenvolvimento web!

E para dar mais uma folga neste início, você pode aplicar o cupom FUTUROBR30 para ter acesso a 30% de desconto na sua matrícula! Vá agora mesmo para o site da TripleTen Brasil!

** Quer participar dos nossos grupos de WhatsApp/Telegram ou falar conosco? CLIQUE AQUI.

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Paraná / Brasil / Mundo