Municípios Lindeiros preparados e com boas expectativas para receber os turistas

1.011

Publicada 1º de Dezembro, 2010 às 10:16

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<
"A região tem potencial comprovado e muitos estabelecimentos estão preparados para receber o turista. Chegou o momento de fazer com que o visitante que chegue a Foz do Iguaçu estenda sua permanência por pelo menos mais um dia para que possa conhecer as belezas da região oeste". A afirmação foi feita pela consultora do Sebrae e gestora do projeto, Ana Lúcia de Souza após avaliar o estudo mercadológico apresentado no Workshop de Turismo realizado na segunda-feira (29), em Foz do Iguaçu.O estudo partiu da iniciativa do Sebrae/PR e do Fórum de Turismo Sustentável Cataratas e Caminhos, juntamente com o Gestur, o Instituto de Turismo e Eventos, além do Caminhos do Turismo Integrado ao Lago de Itaipu. O mesmo envolve 13 municípios dos 16 integrantes da Região Turística Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu.A iniciativa tem por objetivo conhecer, de maneira sistematizada, a atual situação da oferta turística regional, qualificando os atrativos turísticos existentes, os equipamentos, serviços e a infraestrutura urbana e de apoio ao turismo, entre outros aspectos importantes para o desenvolvimento turístico local/regional sob o ponto de vista mercadológico. O estudo foi desenvolvido no período de abril a agosto de 2010 e, para realização do mesmo, foram aplicados dois tipos de diagnósticos, sendo: Diagnóstico Turístico Mercadológico Regional (com foco nos destinos), ou seja, uma visão analítica do fenômeno turístico nas localidades. E o Diagnóstico Turístico Empresarial/Organizacional, onde foram identificadas as impressões dos consultores a respeito de diversas questões envolvendo o empreendimento. Este diagnóstico gerou, por sua vez, planos de ação com sugestões de melhorias, tomando por base as carências identificadas nos empreendimentos e tendo foco nas necessidades de mercado.O estudo abrangeu 88 pontos de interesse turístico, sendo 63 empreendimentos privados e 25 atrativos públicos, das mais diversas categorias como: meios de hospedagem, alimentação, lazer e entretenimentos, compras, transporte e produção associada ao turismo. Foram contemplados, no mesmo, os seguintes municípios: Entre Rios do Oeste, Foz do Iguaçu, Guaíra, Itaipulândia, Marechal Cândido Rondon, Medianeira, Mercedes, Missal, Pato Bragado, Santa Helena, São Miguel do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu e Terra Roxa. O estudo identificou, também, uma grande diversidade de segmentos turísticos reais e potenciais existentes na região. Dente eles destacam-se: aventura, cultura, sol e praia, compras, ecoturismo, lazer, náutico, negócios e eventos, pesca, religioso, saúde, técnico científico, esportivo, gastronômico e pedagógico.De acordo com Ana Lúcia, o resumo de todo o trabalho desenvolvido resume-se a boas expectativas para o fomento do turismo na região. "Hoje temos 40 empreendimentos prontos, que estão voltados a atender o mercado regional e nacional. Temos que aproveitar e fazer acontecer", destacou.O presidente do Conselho Municipal de Turismo (Comtur), Jaime Nelson Nascimento avaliou o dia de atividades como reflexo de resultados positivos. "Nós precisamos, na região, o que eu chamo de efeito demonstração. Precisa ter alguém ganhando dinheiro para que os outros sejam motivados e o turismo ganhe força", destacou. Trabalhar na comunidade o conceito de turista é outro passo importante, que, segundo ele, fará toda a diferença. "Temos muitos empreendimento prontos para receber os turistas, mas outros ainda precisam amadurecer certos conceitos. O conceito de quem é turista é um deles. As pessoas precisam entender que é preciso estabelecer um padrão e que turista é qualquer pessoa que esteja visitando determinado local sendo a lazer ou negócio", observou.Para finalizar, o presidente do Comtur alertou para o fato de que o maior mercado está muito próximo. "O nosso primeiro mercado é o da região, do entorno do próprio município. Precisamos trabalhar isso para depois ganharmos o mercado nacional e internacional. Mas disso tudo que foi apresentado fica a certeza. De hoje em diante a nossa região, deu um importante passo rumo ao desenvolvimento", pontuou.      Conselho dos LindeirosO coordenador da Câmara Técnica de Turismo do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu (Gestur), Vilmar Antônio Mantovani, destacou a sinalização turística, que deve ser implantada na região até fim de 2011, como um grande avanço do atual presidente, Moacir Froehlich, que fará toda a diferença quando se fala em divulgação. "As pessoas vão transitar e ver que existe muita coisa interessante".Com relação ao Workshop de Turismo, Mantovani disse que as expectativas são as melhores possíveis, principalmente após ver que os agentes e operadores saírem com uma boa impressão das potencialidades e, muitos, anunciaram que vão incluir o turismo da região em alguns roteiros de viagem. "Com certeza avançamos muito e o resultado será maravilhoso. Com o aval do Sebrae nesse projeto só temos a ganhar. Eles são sinônimo de confiabilidade e é disso que precisamos para avançar com o turismo regional", pontuou.      Gastronomia e diversidade culturalApós do dia de reuniões, encontros de negócios e apresentação do estudo mercadológico, os participantes aproveitaram o início da noite para participar de uma palestra-show com os integrantes do Circo Vox sobre empreendedorismo, além de apresentações culturais, exposição do artesanato e degustação da gastronomia regional.Fonte: Jornal Costa Oeste

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Floricultura Medianeira

(45) 3264-2110

(45) 98818-5768

Rua Sergipe, 2130 Centro

Modesto Móveis

(45) 9996-69726

(45) 99966-9726

Av. Brasil. 3340 - Itaipu

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Cotidiano