Missal: Palestras nas escolas destacam as campanhas alusivas ao Dia Mundial Sem Tabaco

O enfoque maior aos riscos do Cigarro Eletrônico

280

Publicada 15 de Junho, 2022 às 16:53

Compartilhar:

Nos últimos dias uma equipe da Secretaria Municipal de Saúde esteve nas escolas de Missal apresentando orientações quanto ao Dia Mundial Sem Tabaco, celebrado no dia 31 de maio.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), com o objetivo de alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo elegeu como tema da campanha deste ano "Tabaco: Uma Ameaça ao Meio Ambiente".

O tema visa chamar a atenção dos efeitos nocivos à saúde relacionados a toda cadeia de produção do tabaco até a destinação final dos resíduos na industrialização e do consumo nas mais diferentes formas do tabaco.           

Ações em Missal

O município desenvolve a prevenção e oferece o tratamento via Ministério da Saúde em parceria com o Instituto do Coração de São Paulo (INCOR) e optou por desenvolver ações educativas junto aos escolares.

Entre as ações, palestras e conversas em sala de aula com o objetivo de sensibilizar os alunos e educadores para a mais nova armadilha da indústria do tabaco chamada cigarro eletrônico ou POD, cujo público alvo, são os adolescentes e jovens, totalmente desinformados dos efeitos nocivos desta nova moda. 

Informações aos alunos

Foram repassadas informações referentes ao risco de acidentes graves e até morte, pela possibilidade de explosão. Também houveram esclarecimentos sobre a composição e a concentração de substâncias altamente tóxicas, inclusive medicações, bem como, da gravidade dos efeitos colaterais ao tragarem uma quantidade de nicotina bem mais concentrada nestes do que nos demais cigarros comuns e narguilé.

Os cigarros eletrônicos tem o agravante de conterem sabores para amenizar o efeito de ardência, na garganta ao tragarem, por conta de componentes e ácidos, extremamente prejudiciais as vias aéreas, diminuindo a oxigenação corporal e cerebral.  

Por não deixarem resquícios de odor em quem faz uso, exceto aroma no ambiente, características estas de odor e sabor, pelas quais os adolescentes sentem-se atraídos o que permite que escondam dos pais o hábito vicioso.

Muitos pais só percebem seus filhos iniciados neste novo vicio, após presenciarem alterações comportamentais e de sono, bem como grande aumento de ansiedade inclusive déficit no rendimento escolar.

Devido ao alto custo destes dispositivos a manutenção deste vicio faz com que os adolescentes e jovens, já dependentes, optem pelo uso de cigarros comuns cujos são porta de entrada para outras drogas conforme relatos dos escolares.

Os alunos foram orientados a buscarem ajuda para o tratamento e cessação do tabagismo junto aos profissionais das unidades de saúde e ou (WhatsApp 45-99148-9807).

Os adolescentes e jovens ainda estão em formação das suas competências emocionais e fisiológicas relacionadas ao cognitivo e imunológico, podendo sofrer alterações severas no desenvolvimento do processo saúde e ou doença em todos os aspectos orgânicos e emocionais.

Além do impacto familiar social e econômico, considerando o senso de corresponsabilidade da sociedade envolvida na educação e aporte emocional dessa geração.

Artigos proibidos por Lei 

Segunda a Legislação Brasileira (ANVISA), Código de Posturas do nosso município e Vigilância Sanitária é proibida a importação destes, bem como, a venda para menores de qualquer tipo de cigarro ou dispositivo contendo nicotina.

Percebe-se no período pós pandemia um grande aumento de alunos menores consumindo nicotina através destes dispositivos sendo que vários destes já recolhidos em sala de aula, o que comprova a importância dessa abordagem em horário escolar.

Durante estas atividades educativas alunos relataram que adquirem estes dispositivos deliberadamente no comércio. Sendo assim, ficou claro que além do assédio de todas as formas de mídia ao qual estes têm acesso, ocorre o assédio visual dos adultos que já fazem o uso destes e demais drogas lícitas, condutas estas que funcionam como incentivo a esta geração para o caminho inverso ao da saúde e da educação. 

Para reflexão

Pandemias de maior impacto e interesse na mídia evidenciaram hábitos de distanciamentos e higienização das mãos, porém seria positivo, um novo aprendizado da higienização emocional e relacional de corresponsabilidade social.

As informações foram repassadas pela equipe responsável pela apresentação das palestras.

** Quer participar dos nossos grupos de WhatsApp/Telegram ou falar conosco? CLIQUE AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Carrer Multimarcas

(45) 3264-0277

(45) 99971-0184

Av. 24 de Outubro, 2399 - Centro

Pini Bar

(45) 9993-64252

(45) 99936-4252

Av. Lagoa Vermelha, 2441 Cidade Alta

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Missal