Setembro Amarelo: Como compreender e ajudar alguém com transtorno depressivo

Em parceria com a Psicóloga Camila Campos Clavisso apresentamos o terceiro vídeo da nossa série especial para este mês. Confira!

1.879

Publicada 21 de Setembro, 2021 às 11:18

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

ALERTA DE GATILHO: VAMOS FALAR SOBRE SUICÍDIO E DEPRESSÃO.

Toda vez que vamos iniciar uma conversa sobre um tema delicado é importantíssimo que avisemos se há risco de o conteúdo despertar alguma recordação dolorida ou fragilidade emocional nas pessoas que pretendemos acessar.

A depressão é um dos transtornos mentais mais comuns na sociedade, em 2004, a Organização Mundial da Saúde (OMS) constatou que cerca de 151 milhões de pessoas sofrem de Transtorno Depressivo no mundo.

O tema de hoje tem o intuito de ajudar a reconhecer esses sintomas, seja em alguém próximo ou em você mesmo. Falar sobre a depressão requer cuidado e empatia com a pessoa que está acometida com o distúrbio.

Cuidados que são importantes pois alguém que está passando pela depressão, pode sofrer julgamentos, e acarretar em gatilhos como o suicídio, que é o grande alvo desta campanha.

Essa doença é principalmente caracterizada por sintomas que variam de acordo com cada caso, mas envolvem a sensação de vazio, falta de interesse pelas pessoas e atividades, tristeza intensa sem motivo aparente, mudanças nos hábitos alimentares, dentre outros.

Heranças genéticas também são fatores importantes na sensibilidade à depressão, como também podem ser causados por experiência de vida, períodos de estresse, luto, adaptação pandemia, entre outros.

Outro fato muito importante, é que estar triste ou deprimido, não é estar em um transtorno depressivo. Pois a tristeza é um sentimento totalmente necessário em nossa vida, e dar validação para o processo de tristeza, para que consigamos superar, e ressignificar determinadas situações.

A depressão, é como se a vida ficasse em preto e branco, perdendo suas cores e significado, e dentro disso, a pessoa vai se acostumando a situação, como se fosse normal e comum.

Então é muito importante se conhecer e reconhecer o outro, pois a depressão pode ser silenciosa e não aparentar. E então buscar ajuda ao identificar esses sintomas é extremamente importante.

Assista o vídeo, compartilhe com seus contatos, faça parte dessa grande corrente pela vida.

SE TEM VIDA, TEM JEITO!

** Quer participar dos nossos grupos de WhatsApp/Telegram ou falar conosco? CLIQUE AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Ótica Medianeira

(45) 3264-2322

(45) 99155-3377

Av. Soledade, 2250

Mecânica Alberton

(45) 3264-5953

(45) 98818-5144

Av. Brasília, 280 - Conda

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Medianeira