Receita Federal e FNCP realizam megaoperação para destruir 183 toneladas de cigarros do crime

Avaliada em R$ 32.7 milhões, carga sai de Mundo Novo (MS) para Foz do Iguaçu (PR), liberando espaço físico para novas ações de repressão ao contrabando no MS.

3.024

Publicada 29 de Julho, 2020 às 10:16

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

O Fórum Nacional Contra a Pirataria e a Ilegalidade (FNCP) e as Receitas Federais (RFB) de Mundo Novo (MS) e de Foz do Iguaçu (PR) coordenam uma grande força-tarefa para a destruição de 130.8 milhões de cigarros contrabandeados - a vasta maioria proveniente do Paraguai - apreendidos no Mato Grosso do Sul. A ação acontece na quarta-feira, 29 de julho, quando 14 carretas carregadas com o produto contrabandeado deixarão Mundo Novo (MS) e seguirão para Foz do Iguaçu, onde ocorrerá a destruição dos cigarros do crime.

Pensando em alertar a população sobre os impactos e prejuízos do consumo de cigarros contrabandeados, as 14 carretas que farão o transporte até Foz do Iguaçu levarão estampadas em suas laterais, mensagens sobre o impacto do contrabando no Brasil. O objetivo da operação é liberar espaço físico nos depósitos da Receita Federal no Mato Grosso do Sul, de modo a possibilitar a intensificação das ações policiais de apreensão e combate ao contrabando.

A iniciativa é apoiada pela empresa Irmãos Krefta, que realizará a destruição da carga, e pelas Polícia Rodoviária Federal, Polícia Federal e Força Nacional, que farão a escolta de toda a operação. Esta é a terceira força-tarefa para a destruição de cigarros contrabandeados realizada com o apoio do FNCP em 2020. No primeiro semestre, foram realizadas operações nos estados do Rio de Janeiro e Maranhão.

Assessoria Receita Federal do Brasil

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Desentupidora e Paisagismo Tigre

(45) 9992-57304

(45) 99139-1134

Av. Lagoa Vermelha, 2840 - Cidade Alta

Centro de Treinamento Combate

(45) 3264-0121

(45) 99821-2674

Rua Rio Branco, 1030

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Regionais