Vivinho da Silva: "Morto" no Paraguai, "ressuscitou" no Uruguai e está preso no Brasil

Ele era procurado pelo assassinato de um policial no Brasil e também pelo seu vínculos com o narcotráfico

6.464

Publicada 27 de Julho, 2020 às 08:46

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

O nome do vivente é Hernandes Oliveira da Silva, de 38 anos de idade, de nacionalidade brasileira, procurado pela Interpol (Policia Internacional) bem como pelas autoridades brasileiras pelo crime de assassinato, onde acabou preso na última sexta-feira 24 de julho de 2020 no Uruguai e entregue as autoridades brasileiras. Sua história se destaca em vida e na morte no Paraguai.

Segundo dados, Hernandes Oliveira da Silva teria morrido em solo paraguaio, e de acordo com documentos oficiais, bem como seus amigos que até dedicaram mensagens em obituários em sua memória no mês passado, onde a policia teria deixado de procura-lo em decorrência da sua morte, mas a surpresa aconteceu quando o prenderam no Uruguai, pois teria "ressuscitado" com outra identidade.

Hernandes Oliveira da Silva era procurado pelo assassinato de um policial no Brasil e também pelo seu vínculos com o narcotráfico, porem no Paraguai sua história somente foi mencionado nas páginas fúnebres.

Segundo uma fonte, ele era conhecido pelos vizinhos e amigos como "Baixinho", Hernandes Oliveira da Silva morava em Ciudad Del Este e constantemente atravessava a Ponte Internacional da Amizade e ia a Foz do Iguaçu em companhia de familiares e sua morte causou muita dor e tristeza e constava "descanse em paz ", nos obituários publicado nas páginas do jornal paraguaio  ABC Color, em data de 28 de junho de 2020, enquanto outros teriam declarado "que sua alma descanse em paz".

"Vivinho da silva"

Em uma ação sem precedente, as preces não se concretizaram, pois Hernandes Oliveira da Silva não descansou em paz, nem em corpo e nem na alma, pois foi encontrado "vivinho da silva" e preso no Uruguai usando outra identidade falsa.

Consta que teriam forjado sua morte no Paraguai, pois consta seu registro de morte junto ao Ministério de Relações Exteriores e a Diretoria de Registro Civil e do Ministério da Justiça do Paraguai.

Milagre

Para as autoridades paraguaias, Hernandes Oliveira da Silva é um "milagre", pois sua morte foi confirmada em Assunção como resultado de um "Ataque Cardíaco" devido a insuficiência respiratória" e agora está preso no Brasil.

Ainda para as autoridades do Paraguai, não é a primeira vez que acontece à produção de documentos falsos, pois a poucos meses atrás outro caso teve muita repercussão, pois o caso do famoso ex-jogador de futebol brasileiro Ronaldo de Assis Moreira "Ronadinho Gaúcho", que inclusive ainda cumpre prisão domiciliar em um hotel na capital do Paraguai, vinculado a um suposto caso de falsificação de documentos de identidade e passaportes. (Com informações do Jornal ABC Color)

Fonte: JtribunaPopular

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

SR Decorações

(45) 3264-2184

(45) 99117-6236

Rua Para, 2680

Espaço III

(45) 3264-4621

Av. Rio Grande do Sul

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Regionais