Conselho dos Lindeiros comemora ações que visam melhorar setor de abastecimento elétrico na região

Uma reunião na última semana em Santa Helena é parte de um processo que visa a melhoria do setor de fornecimento de energia como base para sustentação à produtividade.

752

Publicada 18 de Setembro, 2019 às 11:26

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

Incentivos ao setor produtivo da região são fundamentais. É por este motivo que o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu se integra à pauta de reivindicações das administrações municipais da região que margeia o Lago de Itaipu. Uma reunião na última semana em Santa Helena é parte de um processo que visa a melhoria do setor de fornecimento de energia como base para sustentação à produtividade.

O presidente do Conselho dos Lindeiros, Leomar Rohden (Mano), prefeito de Pato Bragado, ressalta que há preocupação quanto ao fornecimento de energia elétrica, tanto na área rural, quanto na área urbana. Em 2018, na campanha eleitoral ao Governo do Estado, o pedido de melhoria no setor fez parte de uma carta de reivindicações, entregue ao atual governador Carlos Massa Ratinho Junior.

A denominada 'Carta Compromisso', solicitava a modernização da distribuição da energia elétrica, principalmente nas áreas rurais que sofrem com a perca diária de produção por não ter linhas de transmissão adequadas para o agronegócio.

Leomar Rohden ressalta que, os investimentos dos últimos anos da iniciativa privada geram demanda maior por energia elétrica, necessária para melhoria no setor produtivo nos municípios lindeiros ao Lago de Itaipu.

Força tarefa

Após uma reunião em Santa Helena na última semana, coordenada pelo líder do Governo do Estado na Assembleia Legislativa, deputado Hussein Bakri, e pelo deputado Nelson Luersen, a Companhia Paranaense de Energia (Copel), iniciou sábado (14), um mutirão de trabalho no município. As ações também estão previstas para serem estendidas a outros municípios, segundo o gerente da Copel de Medianeira, Hemerson Almeida Orcesi,  caso de Missal, onde o mutirão deve ocorrer dia 28 de setembro, conforme a Administração Municipal.

O mutirão de trabalho é uma iniciativa imediata para fazer podas e manutenções básicas. Na sequência, a tentativa de solução dos problemas inclui reunião com prefeitos e vereadores da região lindeira para saber dos locais em que há demandas mais urgentes e onde ocorrem os principais problemas com fornecimento, segundo o diretor-presidente de Distribuição da Copel, Maximiliano Orfali.

Investimentos e demandas

O que as lideranças regionais querem é que seja dada atenção especial à região tendo em vista que, como anunciado na reunião, para o próximo ano a previsão orçamentária da Copel é de R$1 bilhão. A proposta é fazer um planejamento de ações com atenção especial a região, segundo o diretor-presidente de Distribuição da Copel.

De acordo com Leomar Rohden, além da energia elétrica, as administrações municipais lindeiras também buscam por investimentos em outros setores, caso, por exemplo, de melhores rodovias, programas de saúde, de sanidade, e de segurança.

Assessoria

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Extintores Ferrari

(45) 3264-3250

(45) 99133-4393

Av. 24 de Outubro , 2086

Consultório Odontológico Dr. Felipe Bernabé

(45) 3264-5371

(45) 98417-9189

Av. Soledade, 2250 Sala 04

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Regionais