MP pede condenação de pai do menino que teve braço amputado ao brincar com tigre

Caso aconteceu em 2014. Para o MP-PR pai foi negligente

2.456

Publicada 11 de Janeiro, 2019 às 10:05

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) pediu a condenação do pai da criança de 11 anos que teve o braço amputado após ser atacada por um tigre no Zoológico de Cascavel, no oeste do Paraná. O acidente ocorreu em julho de 2014.

De acordo com a decisão da promotora Andrea Simone Frias, Marcos Carmo Rocha deve responder pelo crime de lesão corporal gravíssima por ter deixado o filho exposto ao perigo por um longo tempo.

Vrajamany Fernandes Rocha, então com 11 anos, passeava com o pai no zoológico municipal.  Imagens feitas por outros visitantes mostram o garoto desconsiderando as placas de alerta, pulando a grade de proteção e se aproximando dos animais.

Primeiro ele oferece ossos de frango para um leão. Depois provoca o tigre, correndo em frente à jaula e tocando no animal, que na sequência o atacando. O braço de Vrajamany foi puxado para a jaula e os ferimentos foram tão graves que o menino teve o braço amputado.

Após as alegações da defesa e do MP, o juiz vai decidir se o pai é culpado ou não.

Na época, em depoimento o pai disse que estava cuidando do outro filho, de três anos, quando o filho mais velho saiu de perto dele e que assim que percebeu o ataque socorreu o menino.

Fonte: Banda B

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp CLICANDO AQUI.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Kogut Motos Peças

(45) 3264-9455

(45) 98402-8177

Av Brasil 2400

Contamed

(45) 3264-3581

Av. João XXIII , 2150 Sala 03 - Centro

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Paraná / Brasil / Mundo