Drenagem linfática: Conheça os principais benefícios da técnica

Um procedimento que auxilia o processo natural de drenagem do líquido que está espalhado pelo corpo. Confira no vídeo mais sobre a técnica, com um exemplo diferenciado.

1.005

Publicada 06 de Novembro, 2018 às 15:09

Compartilhar:

A Drenagem linfática é um procedimento que visa auxiliar o processo natural de drenagem do líquido que está espalhado pelo corpo, realizado pelo sistema linfático. Pode ser realizada através de manobras manuais.

A drenagem manual é uma técnica de massagem com movimento finos, suaves e superficiais, cuja função é drenar os líquidos excedentes que extravasaram das células, permitindo a livre evacuação de toxinas e dejetos metabólicos presentes em várias partes do corpo.

Segundo a Esteticista e Massoterapeuta, Daniela Civieiro, a técnica não deve causar dor, nem hematomas e as sessões devem ser feitas até que o edema diminua ou desapareça por completo.

Algumas das indicações e efeitos da drenagem linfática:

· Redução de edemas;

· Melhora da hidratação e nutrição das células;

· Acelera a cicatrização de ferimentos;

· Aumenta a capacidade de absorção de hematomas e equimoses;

· Melhora o retorno de sensibilidade em cirurgias;

· Reduz a retenção de líquido nos tecidos, melhorando a aparência da celulite.

 

Drenagem linfática em gestantes

A combinação entre drenagem linfática e gestação não poderia ser mais perfeita: ajuda a relaxar, alivia inchaços típicos da gravidez, reduz o acúmulo de retenção liquida, estimula a lactação e prepara as mamas para a amamentação, previne e combate varizes, celulite e estrias.

Quais são os benefícios da drenagem linfática para a gestante?

Melhora a nutrição das células e a oxigenação dos tecidos;
Estimula a circulação venosa e linfática; reduz a retenção de líquido;
Diminui os inchaços típicos da gravidez;
Estimula a lactação e a dessensibilização das mamas, preparando-as para a amamentação;
Previne e combate varizes e sensação de pernas cansadas;
Combate celulite e estrias; alivia tensões e reduz dores musculares.
É possível fazer drenagem linfática a partir de quantas semanas de gestação?

É fundamental que a gestante passe por uma avaliação médica antes de iniciar o tratamento, até para que seja feita a indicação correta da drenagem linfática. As sessões podem ser iniciadas a partir do terceiro mês, cerca de duas vezes por semana. Em casos de edemas exacerbados, a gestante poderá fazer até três sessões semanais, desde que tenha autorização do médico responsável.

Existe alguma contraindicação?

Grávidas com hipertensão não controlada, insuficiência renal, trombose venosa profunda, infecções de pele e erupções cutâneas não são aconselhadas a realizar este procedimento. Porém, sempre seguimos a autorização médica e trabalhamos com fisioterapeutas que conhecem os recursos indicados e contraindicados para as gestantes. Dessa forma, é possível realizar um tratamento seguro e eficaz, sem provocar nenhum tipo de dano aos pacientes.

Quanto tempo após o parto a mulher pode fazer uma sessão de drenagem linfática? Ajuda a voltar a forma?

No período pós-parto, a drenagem linfática trabalha como um auxiliar para o retorno da forma anterior, atuando na diminuição da retenção de líquidos, prevenção de celulite e na estimulação do metabolismo. É importante entender que a drenagem não deve ser utilizada como elemento único para processos de emagrecimento, sendo necessário também o acompanhamento de uma nutricionista especializada.

Drenagem Pré e Pós Operatório

Por que fazer drenagem linfática no pré ou pós-operatório?

Muitas pessoas já ouviram falar, conhecem de nome, mas não sabem realmente as maravilhas que uma boa drenagem linfática faz no nosso organismo.

"Normalmente ela já traz muitos benefícios, mas quando somos submetidos a uma cirurgia plástica, essa técnica se torna essencial para uma recuperação mais rápida e menos dolorosa", explica a profissional.

Ela completa: "Realmente o nosso organismo é uma máquina fantástica e possui todas as ferramentas necessárias para se recuperar de traumas e lesões causados interna ou externamente, porém com a realização de uma cirurgia plástica, o volume de tecidos que o organismo precisa regenerar é muito grande, assim a associação da massagem é fundamental, pois ela fornece a "ajudinha a mais" para acelerar o processo de retirada dos líquidos acumulados entre as células, encaminhando-os aos vasos capilares e direcionando-os para que sejam eliminados".

Normalmente os próprios cirurgiões indicam a drenagem, principalmente nos casos de cirurgias plásticas de abdômen, lipoaspiração, lipoescultura, cirurgia de mamas e face, isso porque o próprio processo cirúrgico gera eventos clínicos comuns no pós-operatório, como hematomas e fibroses.

A massagem auxilia o no reparo tecidual da região, acelerando o processo de recuperação, prevenindo e controlando essas complicações. A técnica também melhora o funcionamento do sistema imunológico, é relaxante e tranquilizante. Atua no aumento da circulação sanguínea e alivia as dores causadas pelos edemas e inchaços.

Ficou interessada? Entre em contato através do número (45) 9 9821-3741.

O endereço para atendimento é: Endereço: R. Rio de Janeiro, 1209 - Centro, Medianeira.

 

** Envie notícias, fotos, vídeos e sugestões para o Guia Medianeira pelo WhatsApp (45) 98422-1348.

Tudo Medianeira - Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Extintores Ferrari

(45) 3264-3250

(45) 99133-4393

Av. 24 de Outubro , 2086

Águia Doces Atacado e Varejo

(45) 3264-2792

(45) 99928-7500

Rua Bahia

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Medianeira