Preço do botijão de gás sobe 45% em dois meses

1.708

Publicada 11 de Outubro, 2017 às 09:59

Compartilhar:
>> publicidade : ver novamente <<

A Petrobras anunciou, nesta terça-feira (10), um reajuste médio de 12,9% no preço do botijão de gás de até 13 kg a partir de hoje (11), devido à variação das cotações do produto no mercado internacional.

Caso o reajuste seja integralmente repassado pelas distribuidoras e revendedoras ? o aumento não é obrigatório, mas dificilmente deixa de ser jogado para o comprador ?, o preço ao consumidor final pode subir em média 5,1%, ou cerca de R$ 3,09 por botijão, estimou a Petrobras.

Já o Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) calcula que o reajuste oscilará entre 7,8% e 15,4%, de acordo com o polo de suprimento.

Este é o quarto aumento concedido em apenas dois meses. Em junho, a Petrobras mudou a política de preços para o produto, que passou a ser reajustado com mais frequência. Desde agosto passado, já houve altas de 6,9%, 12,2% e 6,9%. O acumulado, nesses dois meses, já alcança 44,76%.

O preço médio do botijão de 13 kg pago pelo consumidor no país era de R$ 62,21 na última semana, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Para economizar o gás de cozinha e, com ele, também dinheiro, especialistas dizem que é importante observar se a chama está sempre azul, evitar vazamentos nos bicos do fogão, tampar as panelas para cozinhar mais depressa e sempre usar panelas de acordo com o tamanho da boca do fogão. Panela pequena em boca grande é desperdício.

Fonte: Paraná Portal

Guia Empresarial

Lista telefônica empresarial

Jornal Nossa Folha

(45) 3264-5269

Casa Dona Benta

(45) 3264-7571

Rua Paraguai, 1566

VEJA MAIS NOTÍCIAS | Cotidiano