Artigo - Alimentação no período de festas

Revista Guia
27 de Dezembro, 2016 354

Publicado em: 27/12/2016 às 09:57

Atualizado em: 27/12/2016 às 09:58

Final do ano chegando, confraternizações, festas, e muita comida, em todas as celebrações. Com a chegada do fim de ano, é difícil não exagerar na comida e bebida e dormir menos do que o recomendável

Chega o final do ano e a tentação fala mais alto do que qualquer coisa. Resultado? Uma overdose de gordura, sal, açúcar, conservantes e bebidas alcoólicas, que pesam no corpo. Esses excessos comprometem o bom funcionamento do fígado e do intestino, deixando a metabolização dos nutrientes deficiente e comprometendo vários aspectos da saúde.

Os primeiros sintomas percebidos por quem ultrapassa os limites nas garfadas e nos goles são cansaço excessivo, falta de concentração, dores de cabeça, diarreia ou prisão de ventre, ganho de peso, dificuldade de fazer o ponteiro da balança baixar e piora na celulite. Há também a retenção de líquido, que provoca inchaço, e o aparecimento dos gases. 

Limpando a área

Uma boa maneira de amenizar o estrago logo depois das festas é lançar mão da desintoxicação, conhecida popularmente como Detox, ela funciona como uma verdadeira faxina no organismo. O primeiro passo é retirar completamente do cardápio os produtos industrializados, refinados e ricos em sal, açúcar, gorduras ruins e aditivos, e bebidas alcoólicas. No lugar disso, colocamos alimentos repletos de fibras e substâncias antioxidantes, como as frutas e as verduras. Carnes brancas, sementes de linhaça, gergelim, chia e grãos como feijão, grão-de-bico e ervilha, além de carboidratos integrais, também são bem-vindos nessa fase. E, claro, a hidratação é fundamental - pode investir pesado em litros e litros de água, chás e sucos naturais.

O período em que o Detox deve ficar em cena depende de quanto você exagerou e da sua disciplina. Normalmente, em poucos dias já é possível perceber os seus efeitos, em especial a redução do inchaço na barriga e a sensação de leveza e bem-estar. O indicado é que ele dure no máximo um mês. Depois disso, o ideal é manter uma alimentação livre de substâncias nocivas. 
Dicas para não exagerar a mesa:

• Não fique sem comer o dia todo. Com a correria de fim de ano, é normal pularmos refeições, mas é importante se alimentar nos horários normais. Caso contrário, na hora da ceia, você vai acabar comendo mais do que o necessário.
• Se você for preparar os alimentos, não belisque. Espere a hora certa para comer.
• Utilize a versão light dos produtos nas receitas. Prefira a maionese e creme de leite light, ricota e queijo cottage, leite desnatado e etc.
• Opte pela carne de peru ao invés do lombo e tender. A primeira é menos gordurosa que as outras.
• Cuidado para não exagerar na sobremesa. Um pedaço é o suficiente. Quando a pessoa não está acostumada a comer doce todos os dias, mas resolve comer todos que sobraram da ceia nos próximos dias, o corpo acaba se acostumando ao açúcar e passa a exigi-lo.

Pensando na desintoxicação segue receita de suco e chá Detox para ajudar na eliminação das toxinas causadas pelo excesso de alimentação.

Chá desintoxicante pós festa (tomar 1L ao dia)
5 cravos 
1 canela em pau 
5 moedinhas de gengibre (ralar) 
Casca de uma laranja
1 rodela no final
1 litro de água
Modo de Preparo: colocar o cravo e a canela na água e deixar ferver por 8 minutos, acrescentar o gengibre ralado e a casca de laranja e deixar por mais 2 minutos
Suco detox de abacaxi, hortelã e chá verde

Ingredientes:
• 3 fatias de abacaxi
• 5 folhas de hortelã
• 1 copo (200ml) de chá verde solúvel preparado
• Gelo à vontade

Modo de preparo:
Descasque o abacaxi, corte as fatias e retire o miolo. Junte todos os ingredientes e bata no liquidificador - inclusive o gelo. Passe a mistura em uma peneira e sirva imediatamente.

Revista Guia
Envie suas fotos ou notícias para o Guia! 045 8422 1348